Divagações

Abrigo

No jornal, é mantida a crença na desgraça. Morte, sequestro, doença.

Nas ruas, a vida segue corrida, batida de segunda a sexta, com um suspiro no sábado e se deus quiser no domingo.

Nos bares, a cerveja, a cachaça e a crítica aos reaça que nos acalma a crise que nos aplaca.

Nas redes, o teatro da vida faz questionar a veracidade da afirmação: uma imagem fala mais que mil palavras. Talvez engane mais rápido que qualquer palavra.

Em cada gueto uma linguagem, uma história, uma dor. Em algum canto, alguéns celebrando a existência do amor.

Tantos os cenários e tantos os personagens, conflitos e sabotagens. Como abraçar a complexidade?

No peito o dilema. A emoção contida, o grito travado:

O QUE ESTÁ ACONTECENDO?

É tanta gente falando e tão poucas escutando. O ódio e a raiva pulsando, os nervos subindo. Ei, calma, sou eu quem esta do seu lado! Os traumas jogados, cuspidos no interlocutor que sequer sabia do babado.

Está tudo TÃO caótico…

Qual é o meu espaço de fala? Eu falo do amor sem exaltar toda a dor. Eu a deixo de lado porque sei que estamos todos tao cansados…

Celebro a vida, faço da poesia o abrigo, a casa que nós poetas construímos para dizer que entre tantas diferenças ainda conseguimos dividir o que restou desse moinho. Em meio ao caos, criamos um momento, onde nos dispomos a escutar o outro. Entre versos e contação história, criamos uma nova memória.

Em coração de poeta, a morada está em todos os nichos. Percorre precipícios. Olha no olho do abismo.

À alma que desistiu de pertencer, cabe apenas amar e reconhecer o que no meio dessa confusão todos parecem esquecer:

Eu sou você.

Ligia Tosetto do Prado

http://www.surrealizacion.com

um comentário

Deixe sua marca por aqui! Adoraria ouvir o que você tem a dizer!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s